BEM VINDO!

Caro Visitante:
Obrigado por acessar esta página.
O objetivo principal deste espaço é o de relatar experiências de sucesso totalmente vinculadas à Lei Universal da Atração, com a finalidade de edificar e incentivar a observância consciente de seus princípios.

sábado, 28 de junho de 2008

Meditação e Visualização - Carta para uma amiga

Por Wagner Woelke

Olá, minha amiga, como vai?
Quantos às técnicas de meditação, o que faço foi aprendido, ou nos livros que li(A Chave Mestra, Peça e Será Atendido, O Segredo da Prosperidade, da Tammy Lynch, e o Segredo Colocado em Prática, do Michael Losier) além de alguns textos obtidos no próprio fórum. Teve um que você. postou, chamado visualização. As técnicas são muito simples: primeiro você deve achar um local aonde não será importunada ou distraída com nada: pessoas, sons, ou seja, só haverá o silêncio ( O silêncio é de ouro, reforçam todos os autores )...sente-se de forma relaxada, ou deite, não pode é dormir...rs...procure saber que você está numa posição confortável, onde não se movimentará para nada...então, tem que aprender a dominar seu pensamento: a literatura sugere que você faça diariamente exercícios de uns 15 minutos procurando não pensar em nada, por uns 3 ou 4 dias, até conseguir eliminar o hábito de pensar aleatoriamente, eliminando aquela característica que temos de deixar o pensamento viajar sem rumo daqui para ali e acolá, etc. Depois, que você exercite a capacidade de "criar" com seu pensamento; vá desenhando com seu pensamento figuras geométricas, procure não a imaginar totalmente pronta de início, vá construindo-a, desenhando por exemplo um círculo de tal cor, insira detalhes, vire ao contrário, mude a cor, estique, achate, etc, etc...Faça isto também por uns 3, 4 dias, por uns 10, 15 minutos diários...Com isto, você saberá que pode criar com seu pensamento. Depois, visualize o que você quer, por exemplo, um carro: visualize-se diariamente por uns 15 minutos entrando e saindo do carro, visualize o documento dele com seu nome e endereço, e a data da aquisição, visualize o carro mudando de cor, voltando á cor inicial, depois visualize os acontecimentos para traz, ou seja, você indo buscá-lo na agencia, o vendedor lhe entregando as chaves, te cumprimentando, você entrando no carro, sentindo o cheiro do carro novo, admirando o interior, soltando o freio de mão, ligando o motor, sentindo a vibração do motor, emocionando-se com isto, saindo da agencia, entrando na rua, muito feliz...etc. Depois, imagine o carro sendo entregue na agencia, descendo do caminhão cegonheiro, etc, imagine ele saindo da galpão da fábrica e sendo colocado no pátio pelo funcionário da fábrica uniformizado, depois imagine ele na linha de montagem, as peças sendo juntadas, a carroceria chegando por cima, um monte de operários e robôs o montando, com muito barulho, muita luz, depois imagina as chapas de aço, os lingotes de aço chegando na empresa, o maquinário todo construindo o carro, depois imagine a aciaria fundindo a sucata e o minério de ferro, depois imagine as máquinas escavando o solo retirando o minério de ferro...depois imagine uma sala de engenheiros com várias mesas de projetos e vários desenhistas trabalhando, esboçando as linhas do carro, os detalhes, etc...e vai por aí adiante...este exercício vai lhe dar o entendimento exato de que tudo parte do nada para alguma coisa. Em última instância, o pensamento é o que está por traz de todo o processo, é o aglutinador e o catalisador de todos os recursos e acontecimentos. Isto foi só um exemplo. Não pense ou peça coisas danosas, como às vezes a gente vê: o marido da outra, a felicidade do outro, a riqueza do outro...nestes casos, creio que é melhor pensar de maneira genérica...

Veja este texto que extraí do livro Conversando com Deus...
“O pensamento é pura energia. Todos os pensamentos que você tem, teve ou terá são
criativos. A energia do seu pensamento nunca acaba. Nunca. Deixa a sua essência e a sua mente no universo, expandindo-se para sempre. Um pensamento é eterno.

Todos os pensamentos se solidificam; encontram outros pensamentos, ziguezagueando
em um incrível labirinto de energia, criando uma forma sempre mutante de indescritível
beleza e inacreditável complexidade.

Energia similar atrai energia similar - formando (para usar palavras simples) “massas” de energia do tipo similar. Quando “massas” suficientes de energia similar se encontram, "grudam" umas às outras (para usar outro termo simples). É preciso uma quantidade enorme de energia similar para formar matéria. Mas a matéria se formará de pura energia.

Na verdade, é o único modo pelo qual pode formar-se. Quando a energia se torna matéria, continua a ser matéria durante muito tempo - a menos que seja desintegrada por uma forma de energia oposta ou dissimilar. Essa energia dissimilar, agindo sobre a matéria, de fato a desintegra, liberando a pura energia da qual era formada. “


Então, Cara Amiga, temos que nos libertar da idéia de que o processo de criação é uma coisa mística, ou que alguma entidade espiritual vai nos ouvir e fazer o que pedimos, se conseguirmos chamar a atenção de alguém no plano invisível, a qual ficaria “tocada” pela nossa situação e resolveria nos atender e ajudar.... É criação pura, da própria pessoa. Se a pessoa deseja obter as coisas através da ajudade seres, visíveis ou invisíveis, então ela não compreendeu seu poder criativo....Pergunta: a coisa vai surgir como num passe de mágica, ou seja, de repente não existe e de repente existe? A resposta é...não! O tempo é necessário. Se eu tenho um transatlântico, que é minha vida, indo numa certa direção, e eu desejo mudar a direção, eu viro o leme para direção desejada, e ele começa a virar imediatamente, mas ele precisa fazer toda a operação de "virar" para a outra direção, já que ele está indo na direção inicial em virtude de um desejo anterior de ir naquela direção, e as forças atuais estão agindo para mantê-lo nesta direção, e isto precisa de um tempo para se completar a virada. No final, se eu tiver paciência e não me desviar do propósito inicial, o transatlântico se colocará na direção que eu determinei, e minha vontade se fez. Posso ter a certeza de ele vai se por na direção que eu determinei. Eu sei que ele vai. Temos este poder, o de mudar as coisas, segundo nosso bel-prazer, entende?. Se vou de carro de Campinas a São Paulo, eu sei que eu vou, mas entendo que não vou me transportar de um ponto a outro, 90 km., num estalar de dedos, antes, vou pensar (desejar) em ir, vou pegar o carro, abastecer, pegar as estradas, dirigir, trocar de marchas, desviar de outros carros, admirar a paisagem bonita no trajeto, e chegarei a São Paulo,depois de um certo tempo...o meu desejo se concretizou, como eu queria, mas teve um tempo de construção, de vários fatos que foram acontecendo, vários deles dependeram de mim, outros foram conseqüências de minha decisão: o motor funcionou, os motoristas se desviaram de mim, o funcionário do pedágio me atendeu quando eu lá cheguei, os painéis eletrônicos no caminho me orientaram sobre o melhor caminho a tomar, etc, etc...Repito, são exemplos tão simplórios quanto grosseiros, mas percebemos que essa sucessão de fatos ocorreram só porque eu decidi fazer algo...houve uma harmonia entre várias coisas que foram acontecendo como conseqüência da minha idéia, e que permitiram a concretização do meu desejo inicial, que era ir de Campinas a São Paulo. Assim, num pensamento amplo, as coisas vão acontecendo e se encaixando, conforme o nosso desejo. Eu, particularmente, coloco poucas coisas, no máximo 2 ou 3 coisas para acontecer, assim não me atropelo em pensamentos desesperados, não me esqueço do que estou focando, não começo uma prática por um método hoje, faço por uns dias, depois abandono, porque aparece outro método que parece melhor que o primeiro, e começo o outro e faço por mais uns dias, até aparecer outro, e outro, etc...Eu tenho algumas idéias lançadas ao Universo, que ainda não se manifestaram neste mundo visível, mas eu sei que elas estão lá, amadurecendo. Eu as tenho bem claras na minha mente. Eu sei que o meu pensamento está criando as condições para que aquilo aconteça, “vejo” as forças se aglutinando, a substância invisível, como dizem alguns autores, se movendo vertiginosamente numa determinada direção, a coisa tomando forma. Em algum momento elas vão “explodir”, e se mostrar. Não tem como não ser desta forma. O pensamento é fonte de energia. Encontrada a forma em que você se sinta mais confortável de fazer...então é crer e fazer...como diz a Bíblia, como pensei, assim sucederá...como diz o Haanel, aprendemos fazendo...e nos fortalecemos praticando, com afinco...como diz a bíblia: sejais praticantes da palavra, não somente ouvintes...

2 comentários:

Martinha disse...

Oi! Adorei seu blog, que bom que você vai dividir conosco o que você sabe, afinal não tem ninguém lá no fórum com tantas conquistas!

Bjus***

kiphop@hotmail.com

Anônimo disse...

Olá, Martinha, obrigado pela visita. A idéia é publicar um por dia!
Wagner